terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Qto vale a sua irresponsabilidade

A minha irresponsibilidade nos rendeu uma filha maravilhosa.
Se não fosse a minha irresponsabilidade, eu não seria tão responsável hj.
O engraçado é que do outro lado não funcionou assim.
A irresponbilidade dele gerou mais irresponsabilidade ainda.
E não adianta gritar toda vez que ouve isso.
Grito, xingamento, histeria, cara feia ...
Eu não tenho mais medo disso não.
Aprendi a criar minha filha sozinha, com apoio da minha familia.
Nunca precisei pedir nada, sempre tomei todas as decisões sozinhas - eu escolhi a escola, eu resolvi as férias, eu levei no dentista, eu fui no cinema.
Sempre paguei minhas contas e quem me conhece sabe que fui muito bem criada.
O outro lado insiste em viver no mundo da fantasia, como se não houvesse amanhã e não tivesse uma filha para criar. Prefere comprar uma Dogde Dakota a pagar a dívida da filha na escola.
Chora na vara de familia, na frente do juiz alegando não ter como pagar uma pensão decente -pessoa que ganha em dólar quando luta no exterior tem coragem de negar ajuda para o próprio sangue.
Sabe quando ele lembra dela ? Quando precisa se promover como lutador. Aí tudo é uma festa ! A pequena sobre no ringue, a imprensa tira foto... E isso é amor ?
A sua irresponsablidade valeu uma enxaqueca e uma dor de estomago. Só isso e passou num instante.
Eu tenho o nome limpo, sou honesta, não engano ninguém, pago minhas contas direitinho e durmo feito um anjo a noite.
E ele ? Será que tem bons sonhos ?
Minha única vingança é saber que qdo ele coloca a cabeça no travesseiro, não tem um sono tão tranquilo qto o meu ...
Eu cumpro direitinho com a minha parte nesse mundo ... Ele não chega perto de tentar cumprir a dele.

2 comentários:

Luciana Leitão disse...

Adorei seu blog!!! parabéns por ter feito da irresposabilidade, uma responsabilidade!! continue nesse caminho, sendo um exemplo para sua pequena.... que aliás, já deve estar grande, né? rs Tô esperado o happy. Muitas saudades!!! Bjs, Luli

biancasbc disse...

Parabéns, flor. Vc é uma mãe e uma mullher maaravilhosa!! e não fique chateada por coisas pequenas que acontecem...pode ter certeza de que o mundo é justo, viu!
bjinhosssssssssssssss